Como fazer óleo caseiro para celulite



Está com celulite? Tem medo de ficar com celulite? Afinal, tem como pelo menos amenizar a celulite?

Primeiro, vamos a uma pequena definição, encontrada na Wikipedia

O que é celulite

A celulite é caracterizada principalmente pelo aparecimento de ondulações da pele, dando a esta o aspecto de casca de laranja ou de colchão. É causada por alterações no tecido gorduroso sob a pele, em conjunto com alterações na microcirculação e consequente aumento do tecido fibroso.

O termo também se refere a infecção bacteriana do subcutâneo, geralmente por estafilo aureus coagulase positivo (S. aureus). que é caracterizado por uma área eritematosa de bordos mal definidos, dolorosa, levemente edemaciada. Seu tratamento é farmacológico (com penicilinas penicilinases-resistentes)

A celulite aparece principalmente na região dos glúteos, coxa, abdómen, nuca, e braços.

Diversas formas de tratamento são propagandeadas como eficazes para a celulite, mas poucas apresentam resultados consistentes e com base científica. Dentre os tratamentos considerados eficazes estão:

Redução de peso por meio de alimentação saudável e vida ativa.
Terapias com lasers, acupuntura, radio-frequência e infravermelho. Em conjunto ou separadamente estes tratamentos mostraram-se efetivos contra a celulite.
Massagens com óleos específicos também podem dar um upgrade nos locais onde ela aparece

Óleo para Celulite

100ml de óleo de semente de uvas

3 gotas de óleo essencial de alecrim

3 gotas de óleo essencial de lavanda

Misture os óleos essenciais ao óleo de uva e faça massagens nas partes do corpo afetadas pela celulite.

Não se trata de uma massagem enérgica, mas suave, circular, dando leves pancadinhas com as mãos em conchas.

Faça massagens diariamente para que os resultados sejam mais rápidos.







Dica: o óleo de sementes de uva e os óleos essenciais de alecrim ou lavanda podem ser encontrados em farmácias naturais ou de manipulação.





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.